Cotaçao da Bolsa

PSI 20 5.721,630 -56,570 -0.98%     DAX Xetra 5.967,200 +52,360 +0,890%     IBEX 35 8.975,500 +32,000 +0,360%     FTSE 100 5.466,360 +62,980 +1,170%     Dow Jones Industrial Average 11.644,490 +166,360 +1,450%     NASDAQ-100 (DRM) 2.371,940 +45,060 +1,940%     S&P 500 INDEX 1.224,580 +20,920 +1,740%     S&P 500 INDEX 1.224,580 +20,920 +1,740%     MIB 30 0,000 N/A N/A     NIKKEI 225 8.747,960 -75,290 -0.85%     Hang Seng Index 18.501,789 -256,021 -1.36%     DJ Euro Stoxx 50 2.355,480 +22,960 +0,980%     BOVESPA 55.030,449 +429,380 +0,790%     AEX 302,410 +5,020 +1,690%     All Ordinaries Index 4.269,000 -37,000 -0.86%     AMEX 555,949 +16,609 +3,080%     BEL20 2.203,040 +22,810 +1,050%     IPC 34.848,422 +263,672 +0,760%     Refresh a cada 5 minutos...

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Abate de bovinos aumenta 29% no MT

Abate de bovinos em Mato Grosso subiu 29% em outubro deste ano na comparação com igual intervalo de 2010.  Acompanhamento realizado pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) aponta que no mês passado foram destinados aos frigoríficos do Estado 402,8 mil animais, contra 310 mil no mesmo mês do ano anterior. No acumulado dos 10 meses, a alta chega a 10%, passando de cerca de 3,6 milhões de cabeças para  4,020 milhões de um ano para outro. Os dados foram contam no boletim do Imea, divulgado nesta segunda-feira (28).  Luciano Vacari, superintendente da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), afirma que a alta é motivada pelo confinamento que cresceu este ano em relação ao ano anterior. “Com mais gado disponível, o abate tende a aumentar para atender o mercado consumidor, tanto interno quanto para exportação”, diz ao comentar que ainda resta um pequeno volume de gado para sair do confinamento, o que deve garantir a manutenção dos preços até o fim deste ano.  Luiz Antônio Freitas, presidente do Sindicato das Indústrias Frigoríficas de Mato Grosso (Sindifrigo/MT), concorda que há mais gado no mercado e que por isso a atividade subiu. Ele diz ainda que os pecuaristas estão investindo na atividade e melhorando a gestão do negócio, o que reflete na oferta de gado no período da entressafra. “Com  maior oferta os preços deram uma baixada nos últimos dias, mas deve se manter até o fim do ano”. 

Gazeta Digital

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

8pt; text-decoration: none">